Follow by Email

Total de visualizações de página

Sou muito humorado. Se bem ou mal, depende da situação...

Em 1989 o HIV invadiu meu organismo e decretou minha morte em vida. Desde então, na minha recusa em morrer antes da hora, muito aconteceu. Abuso de drogas e consequentes caminhadas à beira do abismo, perda de muitos amigos e amigas, tratamentos experimentais e o rótulo de paciente terminal aos 35 quilos de idade. Ao mesmo tempo surgiu o Santo Graal, um coquetel de medicamentos que me mantém até hoje em condições de matar um leão e um tigre por dia, de dar suporte a meus pais que se tornaram idosos nesse tempo todo e de tentar contribuir com a luta contra essa epidemia que está sob controle.



Sob controle do vírus, naturalmente.



Aproveite o blog!!!



Beto Volpe



segunda-feira, 18 de julho de 2011

Picolé de HIV

Descrição da imagem: quatro sorvetes de diferentes cores, provavelmente com cepas diferentes de vírus.

O Departamento Nacional de DST/AIDS/Hepatites Virais pretende lançar, em breve, os primeiros resultados de nova pesquisa para uma vacina contra o HIV. Os estudos entraram em fase terminal com a distribuição de Picolés de HIV para que o organismo de algumas pessoas pré selecionadas vá se acostumando com a presença do vírus em estado de resfriamento.

Para manter a tradição de presteza e eficiência do Estado brasileiro no que diz respeito a questões de saúde pública, o governo está congelando sangue de pessoas em acompanhamento nos serviços de AIDS para que haja disponibilidade do produto quando de seu registro nos órgãos competentes. Os picolés serão servidos nos sabores 'Incopetência de frutas', 'Planejamento Diet' (sem adição de visão) e 'Conivência em massa' e estarão disponíveis em todo o território nacional.

Amigas e amigos, não se deixem levar por minhas bobagens. É apenas mais um caso de falta de insumos para combater o HIV em nossos organismos. Não bastassem os recorrendes episódios de desabastecimento de medicamentos, agora os kits necessários para a realização de exames que medem a carga viral estão com estoques comprometidos por conta de um problema de logística e a Nota Técnica 197/11 restringe a realização desses exames extremamente necessários para que o médico avalie a situação laboratorial do paciente.

Paciência, paciente. O jeito é pegar o guarda sol, o bronzeador e aguardar a volta do verão para tomar um bom picolé e rezar para que lancem urgentemente o sabor 'Indignação de Jiló', para um dia voltarmos a ver a velha e boa combatividade que tornou famoso o movimento de luta contra a AIDS. E, talvez, aproximar um pouco mais a situação real do ilusório 'melhor programa de AIDS do mundo', pois sem o controle social adequado, quem vai derreter é a gente.

Beto Volpe

3 comentários:

  1. Beto!
    Não tem um picolé de vergonha na cara com calda de insatisfação?
    Att, :(

    ResponderExcluir
  2. Betão... quando até na "SUPER" FIOCRUZ falta remédio... o que se esperar dos outros refrigeradores? Acho que vão ter que nos congelar mesmo em breve. MS acorde!!! Controle Social, vamos fiscalizar esta linha de produção bem de pertinho!!!!

    ResponderExcluir