Follow by Email

Total de visualizações de página

Sou muito humorado. Se bem ou mal, depende da situação...

Em 1989 o HIV invadiu meu organismo e decretou minha morte em vida. Desde então, na minha recusa em morrer antes da hora, muito aconteceu. Abuso de drogas e consequentes caminhadas à beira do abismo, perda de muitos amigos e amigas, tratamentos experimentais e o rótulo de paciente terminal aos 35 quilos de idade. Ao mesmo tempo surgiu o Santo Graal, um coquetel de medicamentos que me mantém até hoje em condições de matar um leão e um tigre por dia, de dar suporte a meus pais que se tornaram idosos nesse tempo todo e de tentar contribuir com a luta contra essa epidemia que está sob controle.



Sob controle do vírus, naturalmente.



Aproveite o blog!!!



Beto Volpe



quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Fala na mesa de abertura do Congresso de Prevenção 2012

Pessoal, segue abaixo transcrição de minha fala na noite de ontem no Centro de Convenções do Anhembi durante a mesa de abertura do Congresso de Prevenção das DST/AIDS e outros três eventos simultâneos. Na ocasião tive a honra de representar a Rede Nacional de Pessoas Vivendo com HIV/AIDS (RNP+BR), o Movimento Nacional das Cidadãs Posithivas (MNCP) e a Rede Nacional de Adolescentes e Jovens Vivendo com HIV/AIDS (RNAJVHA). Obrigado pela confiança, galera.
Beto Volpe

BOA NOITE, EXMO SR MINISTRO DE ESTADO DA SAÚDE, DR ALEXANDRE PADILHA, DEMAIS AUTORIDADES E MEMBROS DA MESA,

ANTES DE INICIAR MINHA FALA, E COM TODO O RESPEITO ÀS REPRESENTAÇÕES DOS GESTORES, MAS A FALTA DOS TITULARES NESTA MESA DE ABERTURA DEMONSTRA A QUE PONTO CHEGOU A BANALIZAÇÃO DA EPIDEMIA. ESTE CONGRESSO, POR SUA IMPORTÂNCIA, DEVERIA TER A PRESENÇA DA PRESIDENTA DILMA OU DO MINISTRO PADILHA. É VERGONHOSO!

GOSTARIA DE, EM NOME DO MOVIMENTO NACIONAL DE PESSOAS VIVENDO COM HIV/AIDS, PRESTAR NOSSA SOLIDARIEDADE AO DR DIRCEU GRECCO, PELO QUAL TEMOS PROFUNDO CARINHO,.

BOA NOITE, SENHORAS E SENHORES PRESENTES AOS EVENTOS EM DST/AIDS/HEPATITES VIRAIS QUE TÊM INÍCIO HOJE NA CIDADE DE SÃO PAULO.

CIDADE PARA QUAL OS OLHOS DO MUNDO ESTÃO VOLTADOS NA EXPECTATIVA DE VER OS DESDOBRAMENTOS DA HISTÓRICA MANIFESTAÇÃO OCORRIDA NA CONFERÊNCIA DE WASHINGTON, ONDE ATIVISTAS BRASILEIROS INVADIRAM A SALA DE IMPRENSA EM PROTESTO CONTRA O SOMBRIO PANORAMA DA EPIDEMIA DE AIDS NO BRASIL. PROTESTO ESSE SUBSCRITO PELA UNAIDS, PELO ALTO COMISSARIADO EM DDHH DA ONU E PELA ORGANIZAÇÃO PANAMERICANA DE SAÚDE QUE NO MESMO EVENTO DECLARARAM SUA PROFUNDA PREOCUPAÇÃO COM O RETROCESSO DE POLÍTICAS PÚBLICAS EM AIDS NO BRASIL.

RETROCESSO ESSE CAUSADO PELO ABSOLUTO DESPREZO A CARTA DE COMPROMISSOS FIRMADA COM O MOVIMENTO BRASILEIRO DE LUTA CONTRA A AIDS PELA ENTÃO CANDIDATA SENHORA DILMA ROUSSEFF.

A DESPEITO DOS AVANÇOS REALIZADOS NESSAS TRÈS DÉCADAS, O BRASIL AINDA APRESENTA MAIS DE 30 MIL NOVOS CASOS AO ANO.     ESSE NÚMERO ELEVADO DE NOVAS INFECÇÕES NÃO É UMA SURPRESA, UMA VEZ QUE TEMOS DEZENAS DE MILHÕES DE REAIS ACUMULADOS EM PAMS ESTADUAIS E MUNICIPAIS, PARA DESESPERO DE CO0ORDENADORES E COBIÇA DOS SECRETÁRIOS ESTADUAIS E MUNICIPAIS DE SAÚDE, SEM QUE MEDIDAS ENÉRGICAS SEJAM TOMADAS CONTRA ESSE CRIME CONTRA A SAÚDE PÚBLICA E CONTRA O POVO BRASILEIRO.

O FUNDAMENTALISMO CRISTÃO AUMENTA DRMATICAMENTE SUA INCIDÊNCIA SOBRE AS TRÊS ESFERAS E NÍVEIS DE GOVERNO REPRESENTANDO A MAIOR AMEAÇA AS AÇÕES EM DST/AIDS NO BRASIL, SEGUNDO OS MESMOS ORGANISMOS INTERNACIONAIS ANTERIORMENTE CITADOS. ESSA FORÇA POLÍTICA FOI EVIDENCIADA COM A RECENTE CENSURA AO KIT ANTI HOMOFOBIA E À CAMPANHA DE CARNAVAL DESTE ANO VOLTADA PARA O PÚBLICO LGBT.

E QUANDO O GOVERNO DEMONSTRA TOLERÂNCIA COM A HOMOFOBIA, A INTOLERÂNCIA SE SENTE NO LEGÍTIMO DIREITO DE DISCRMINAR, DE AGREDIR, DE MATAR HOMOSSEXUAIS E T RAVESTIS, ESTAS EM UMA ESCALA ASSUSTADORARAMENTE CRESCENTE EM NÚMERO E CRUELDADE.

OUTRA GRANDE DESAFIO É A DESCENTRALIZAÇÃO DA ASSISTÊNCIA, ELA REPRESENTA O FIM DA EQUIPE MULTIDISCIPLINAR PARA AS PESSOAS QUE APRESENTAM UMA ‘BAIXA COMPLEXIDADE, ASSIM CLASSIFICADO PELA ÁREA TÉCNICA.

ORA, SENHOR MINISTRO. QUANDO A REFERÊNCIA MUNDIAL NO ENFRENTAMENTO À EPIDEMIA CONSIDERA ‘VIVER COM HIV’ UMA BAIXA COMPLEXIDADE, ELE DEMONSTRA O PONTO EM QUE CHEGOU A BANALIZAÇÃO DE UMA EPIDEMIA QUE ESTÁ A ANOS LUZ DE SER CONSIDERADA CRÔNICA OU SOB CONTROLE.

ESSA BANALIZAÇÃO FICA EVIDENTE NA PARCA VIGILÃNCIA EM SAÚDE DAS PESSOAS VIVENDO. HÁ MAIS DE DEZ ANOS NÓS GRITAMOS DESESPERADOS QUE ALGO ERRADO ESTAVA OCORRENDO, SEM QUE NOSSAS VOZES FOSSEM OUVIDAS E TRANSFORMADAS EM AÇÕES.

O RESULTADO É QUE HOJE MORREMOS DE PROBLEMAS CARDIOVASCULARES, RENAIS E  CÂNCERES EM UMA INCIDÊNCIA ABSURDAMENTE SUPERIOR À POPULAÇÃO NÃO INFECTADA. HOJE SOMOS LANÇADOS A SITUAÇÕES DE DEFICIÊNCIA PELOS DANOS ÓSSEOS E ÀS TREVAS PELA DEMÊNCIA, O MAIS RECENTE FANTASMA QUE NOS TIRA O SONO.

ISSO TUDO ACONTECE SOB O MANTO DA INVISIBILIDADE PARA OS PERITOS MÉDICOS DO INSS, QUE DECLARAM PUBLICAMENTE QUE QUEM TOMA O COQUETEL TEM UMA VIDA IGUAL À DE ANTES.

O ENVELHECIMENTO PRECOCE É UMA REALIDADE, QUE SE MANIFESTA INCLUSIVE NOS JOVENS, QUE REPRESENTAM UM TERÇO DAS NOVAS INFECÇÕES E QUE JÁ TÊM DIFICULDADES DE EREÇÃO E MENOPAUSA ANTES MESMO QUE SEUS PAIS, ALÉM DE ENTRAVES NO ACESSO À EDUCAÇÃO, AO TRABALHO, AO LAZER E A SERVIÇOS DE SAÚDE SEXUAL E REPRODUTIVA.

NÃO PODEMOS ESQUECER DA SITUAÇÃO DAS MULHERES VIVENDO QUE, COMO EM TODAS AS ÁREAS DA SOCIEDADE, SÃO SUBESTIMADAS EM SUAS NECESSIDADES EM PESQUISAS, NO TRATAMENTO E EM DIREITOS HUMANOS.

POR FIM, COM A MUDANÇA DE STATUS DO BRASIL PARA PAÍS DOADOR E A MIGRAÇÃO DOS FINANCIADORES INTERNACIONAIS PARA A LUTA CONTRA O CÂNCER, OS RECURSOS DIMINUÍRAM SENSIVELMENTE, CAUSANDO O FECHAMENTO DE DIVERSAS INSTITUIÇÕES E A AGONIA DE OUTRAS TANTAS QUE VÊEM A FALÊNCIA DE SUAS ATIVIDADES BATER ÀS SUAS PORTAS. DIMINUINDO A CAPACITADE DAS ONGS EM EFETIVAR UM CONTROLE SOCIAL ADEQUADO, TAMBÉM NOTADO PELOS ORGANISMOS SOCIAIS AQUI CITADOS.

SENHOR MINISTRO PADILHA, NÓS QUE VIVEMOS COM HIV CHEGAMOS AO NOSSO LIMITE. CANSAMOS DE VER NOSSA VOZ IGNORADA E DECIDIMOS RETOMAR O ATIVISMO QUE MARCOU O MOVIMENTO ANTES DO COQUETEL. SAIREMOS ÀS RUAS, INVADIREMOS MAIS SALAS DE IMPRENSA, OCUPAREMOS AS REDES SOCIAIS.

TEMOS QUE VOLTAR, TODOS, A OUSAR, A SERMOS INTRANSIGENTES COM ESSA EPIDEMIA COVARDE,. TEMOS QUE RETOMAR A CARTILHA DO PASSADO, ONDE A AIDS ERA UMA URGÊNCIA
EM OUTRAS PALAVRAS, TEMOS QUE FAZER A LIÇÃO DE CASA.

AFINAL, A NOVA CARA DA AIDS É TÃO FEIA QUANTO A ANTERIOR.

OBRIGADO.

3 comentários:

  1. Discurso magnífico e perfeito, Beto!!! Obrigado pelo compartilhamento!!
    Ricardo Aguieiras
    aguieiras2002@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  2. Maravilhoso e perfeito, vc conseguiu resumir em pouco tempo tudo num único discurso, com abordagem à todas as questões que nos atormenta. Parabéns Beto. Por essas e outros que estou me tornando cada vez mais seus fã.

    ResponderExcluir
  3. Pude ouvir ao vivo, ontem. Hoje, lendo e relendo, me arrepio novamente com o tremendo exercicio da cidadania que tens demonstrado e todos nós. Fala, mostra e luta por aquilo que acreditas e nos é tão necessário. Vida longa a voce, companheiro!!!

    ResponderExcluir